8 de novembro de 2010

Se insisto é por que te quero.
Se te procuro é por que anseio encontrar a razão exata, que me faça permanecer em ti.