16 de agosto de 2010

Apenas meu gosto...



Pão com margarina,
jornal na mesa, meu Eu sozinho,
um lugar sem ninguém!

Leite com chocolate,
biscoito de maisena,
só minha presença, com frio, com calor,
sem medo e pavor!


Gosto do meu jeito bagunçado de ser/ gosto de abrir a janela pela manhã e ver a diferença do ontem pra hoje/ gosto do meu Allstar/ gosto de está/ gosto da minha calça jeans/ dos meus cds/ dos meu livros na estante/ do meu quarto/ do celular/ das mensagens instantâneas/ do mimo/ do carinho/ as vezes da solidão/ da multidão/ gosto do cantar/ gosto da melodia/ gosto do Violino/ das notas fusas/ do repertório/ da graça/ do barulhos da crianças brincando na rua/ gosto dos acenos de mãos simples/ sempre foi assim/ completamente tomado pelo gosto/ pelo diferente/ pelo feio/ pelo belo/

Pra cada gosto uma atitude/ uma bala perdida/ um coração alcançado/ marcado/ dilacerado/ gosto do envelhecido/ gosto do vinho/ do pão/ da união/ gosto da estampa/ da tranca/ gosto da Gabriela/ gosto do cravo e da canela/ gosto da amizade verdadeira/ do sorriso companheiro/ na face/ gosto da mão no ombro/ gosto da luz de vela/ gosto do jantar à dois/ gosto do olhar penetrante/ misterioso/ cativante/ surpreendente/ gosto da surpresa divertida/ das brincadeiras/ das conversas/ das distrações/ das gargalhadas/ dos verões/ das estações/ do copo de refrigerante/ do açaí/ gosto da vontade/ de nadar/ dos gritos da galera/ das viagens intermináveis/ do sono/ do descanso/

Gosto, gosto, apenas gosto . Não sei se irá agradar a todos. Só sei, que o gosto é meu e de mais ninguém!


__Jenuíno!