10 de maio de 2011

"Já do outro lado não caminharás nem por motivo de força maior, caso for preso em grilhões não me pesa ajuda, não estarei presente, não serei mais a chave – coisa que nunca fui."