3 de agosto de 2012

A fantasia do florescer






















É fascinante a forma como o curso da vida floresce tão rápido, é fantasioso no sentido que não retirar as mascaras colada em uma face enrugada pelas injustiças e pela morte que ambas as partes que se revelam, às vezes me pego entre mascaras e a pele enrugada, e não sei em quem devo escolher confiar. Mas, acabe escolhendo uma delas. Talvez se torne uma espécie de encorajamento para uma atitude confeccionada em seda, sob o qual se destina uma pequena amostra do que fazer realmente.